Salte como um golfinho nas águas do mar, com Flyboard

Salte como um golfinho nas águas do mar, com Flyboard

7 de Dezembro de 2011 1 Por Tiago

Alguma vez sonhou ser um golfinho para poder saltar e brincar no mar? Com o Flyboard, o seu sonho poderá estar a um passo de se tornar real.

Este “fato” ao estilo Homem de Ferro, com propulsores aquáticos a jato, irá permitir-lhe fazer os mais espetaculares truques, dentro e fora de água.

Construído por Franky Zapata, um entusiasta dos desportos aquáticos, o Flyboard é constituído por quatro poderosos expressores de água (dois para a mãos e dois para os pés), que providenciam a propulsão e estabilidade, durante o voo ou mergulho.

O Flyboard é idêntico ao Jetlev, com a diferença de que este permite-nos andar fora e dentro de água.

A potência de propulsão das botas a jato (de água) permite-nos voar, saltar e mergulhar como os golfinhos, enquanto a potência dos propulsores para as mãos, dão-nos a capacidade de girar e fazer acrobacias.

Mas para obtermos todo este poder de propulsão, o Flyboard terá de estar ligado (através de um tubo) a um jet ski.

Este jetpack pode ser alimentado por qualquer jet ski com mais de 100 cavalos de potência. Isto significa, que além de terem de gastar cerca de 5.000€ no Flyboard, terão também de ter um jet ski.

É caro, mas não é tão caro quanto o Jetlev, que custa cerca de 70.000 euros.