Tecnologia

Quadricópteros aprendem a voar em formação autonomamente

É incrível a quantidade de coisas que os quadricópteros já são capazes de fazer hoje em dia, e ao que parece, esta pequena aeronave caiu nas boas graças do pessoal do laboratório GRASP da Universidade da Pensilvânia, nos EUA.

Deste jogar ping-pong, fazer construções em grupo, levantar objeto, entre muitos outros, o laboratório GRASP tem vindo a “ensinar” vários truque espetaculares, aos seus quadricópteros “amestrados”.

Desta vês o pessoas do laboratório, decidiu colocar quatro dos seus quadricópteros, a voar em formação. Orientados por um líder, os restantes três têm de executar os mesmos movimentos deste, mantendo intacta a formação.

Os movimento não são previamente programados. O líder (como terão a oportunidade de ver no vídeo) é controlado por alguém no solo, que executa alguns movimentos agressivos. Os restantes três quadricópteros (que se encontram em comunicação com o seu líder) mantêm a sua posição dentro da formação, executando os mesmos movimentos.

Durante o vídeo, é possível ver uma das aeronaves a perder a sua posição, pelo que é rapidamente posta de parte, para não comprometer a formação.

Graças especialmente ao laboratório de GRASP, na Universidade da Pensilvânia, os quadricópteros estão a ficar cada vez mais inteligentes.

O seguinte vídeo permite-nos fazer uma pequena ideia, daquilo que estas aeronaves autónomas poderão um dia fazer por nós.

Pode gostar também

More in:Tecnologia