Primeira foto captada com sensor de imagem curvo da Sony

Primeira foto captada com sensor de imagem curvo da Sony

8 de Julho de 2014 0 Por Tiago

Sony revela a primeira fotografia captada com um sensor de imagem CMOS curvo. Com esta tecnologia, a Sony poderá disponibilizar lentes mais baratas, mais pequenas e com maior qualidade de imagem.

Os habituais sensores planos, das câmaras fotográficas, sofrem de um grande problema chamado “campo de curvatura Petzval”. Este problema ocorre quando os raios de luz passam pela extremidade da lente, em frente ao plano focal do sensor, em vez de o atingir.

Para contornar esta situação, os designers óticos têm de adicionar outros componentes às lentes, tornando-as mais pesadas, complexas e caras.

A foto a cima, captada através da tecnologia desenvolvida pela Sony, é apenas um teste e ainda não existem amostras em alta definição, disponíveis. Contudo, a empresa revelou que o lançamento de um novo sensor curvo, com um elevado número de megapixéis, poderá estar para breve.

Sensor CMOS curvo Sony - 02

Esta primeira imagem, captada através do novo sensor curvo da Sony, poderá marcar o início de uma nova era, no departamento de câmaras digitais da empresa.

Este protótipo foi construído a partir de um sensor plano comum. O sensor foi dobrado, até obter a conhecida forma “superfície Petzval” e reforçou-o com uma placa traseira, em cerâmica.

Esta geometria permite criar sensores mais reduzidos, mais leves e com aberturas maiores. Permitem uma maior entrada mais luz e reduzindo a habitual cadência nas extremidades, encontrada nos comuns sensores planos.

Outra vantagem destes sensores curvos encontrasse no processo de dobragem do sensor. Este processo introduz alguma tensão nos fotodiodos. Tensão esta que permite reduzir o ruído nas imagens.

Sensor CMOS curvo Sony - 03

Por fim, segundo a Sony, os sensores CMOS curvos funcionam da mesma forma que o olho humano para corrigir problemas óticos e até dispõe de um nível de curvatura semelhante.

O protótipo construído pela Sony tem uma área de 2:3 polegadas. Este tipo de sensores são tipicamente utilizados em câmaras compactas, contudo, a empresa construiu ainda uma versão full-frame. Este último poderá ser utilizado em câmaras do género da RX1.

Assim que os sensores curvos chegarem ao mercado, deverão utilizados câmaras com lentes fixas e não em modelos mirrorless ou DSLR. Isto porque não iriam trabalhar com as atuais lentes, existentes no mercado.

No entanto, novos modelos de lentes poderão estar já a caminho, assim como a futura nova RX2. Rumores sugerem que esta nova câmara poderá ser apresentada em setembro na Photokina 2014, e que esta câmara poderá incorporar o novo sensor curvo.