Novo tipo de pavimento absorve 3.330 litros de água por minuto

Novo tipo de pavimento absorve 3.330 litros de água por minuto

2 de Outubro de 2015 0 Por Tiago

Como se sabe, chuvas torrenciais e baixa capacidade de drenagem dos pavimentos são uma das principais causas das cheias. Um problema que pode ocorrer em qualquer parte do mundo, e rapidamente se transformar numa catástrofe.

Segundo os especialistas, apenas 15 cm de água (movendo-se rapidamente) são capazes de “rasteirar” uma pessoa e provocar graves lesões, pela queda.

No entanto, uma empresa britânica revelou, recentemente, uma tecnologia que poderá ajudar a reduzir alguns dos perigos das inundações, especialmente nas estradas.

Tarmac é uma empresa de construção sustentável e tem vindo a desenvolver um pavimento superpermeável.  Topmix Permeable é o nome deste tipo de pavimento, em betão de absorção, capaz de escoar mais de 3.300 litros de água por minuto.

A impressionante absorção de Topmix poderá ajudar a drenar rapidamente toda a água que se vai acumulando nas estradas, evitando os potenciais perigoso da aquaplanagem.

À medida que são absorvidas, as águas pluviais são filtradas por uma camada porosa de seixos, para remoção de hidrocarbonetos de petróleo e outros poluentes comumente encontrados nas estradas, seguindo seu caminho até ao riu, mar ou de volta às torneiras de nossas casas.

Segundo a própria empresa:

Ser capaz de controlar e gerir ativamente a drenagem da água da chuva, a partir da paisagem desenvolvida, reduz significativamente o risco de inundações, protegendo tanto o meio ambiente natural como o construído.

Topmix pode ainda ajudar a atenuar o efeito Ilha de calor. A sua estrutura porosa permite-lhe não reter tanto calor quanto o asfalto tradicional. Além disso, a evaporação de água a partir dos poros do pavimento pode ter um efeito de arrefecimento imediato, na área.

Mas esta tecnologia não está completamente pronta para ser implantada em larga escala. De acordo com a Tarmac, a superfície permeável é propensa a danos causados ​​por água gelada e, portanto, não é adequada para uso em temperaturas abaixo de zero.

Outro problema, é o facto de o produto não ser adequado para o uso em estradas com altos volumes de carga. No entanto, pode ser usado em bermas, ruas residenciais, caminhos pedonais/bicicleta e estacionamentos.

Embora não possa ser utilizada em todo o tipo de superfícies (para já), esta tecnologia poderá contribuir fortemente para melhorar o ambiente. Veja o poder de absorção de Topmix, no vídeo abaixo.

Via: Discovery News
Fonte: DISCOVRD