Microsoft apresenta e demonstra no novo sensor Kinect para a Xbox One

Microsoft apresenta e demonstra no novo sensor Kinect para a Xbox One

31 de Maio de 2013 1 Por Tiago
Kinect para Xbox One - 01

Quando a Microsoft apresentou, pela primeira vez, o sensor de movimentos Kinect, tudo mudou no mundo dos videojogos. O sensor permitia controlar os jogos através dos movimentos corporais do utilizador, tornando-o o mais intuitivo controlador e sempre.

Desde então, de vido à sua versatilidade, o Kinect tem vindo a ser aplicado em todo o tipo de tecnologias. Desde os mais diversos tipos de robôs, aos sistemas de digitalização 3D.

Contudo, este sensor já tem quase três anos e em termos tecnológicos, este é praticamente pré-histórico. A altura não podia ser a melhor. Com o lançamento da nova consola Xbox One, a Microsoft apressou-se a apresentar o novo e melhorado sensor de movimentos Kinect.

Nova geração do sensor Kinect para a Xbox One

As melhorias são significativas, e fazem-se notar no detalhe com que o novo sensor Kinect é capaz de ler e reconhecer os movimentos corporais dos utilizadores. Veja, de seguida, um resumo de algumas das alterações, a que o sensor foi sujeito:

  • Visão 3D de “alta-definição” e “alta-fidelidade”:
    • Fala de “alta-definição” é relativo, não sabemos ainda a resolução efetiva da câmara Kinect, mas é esperamos que esteja entre os 720p e 30fps e os 1080p 60fps. O sensor funciona como um radar, captando todos os objetos da divisão é, pelo menos, três vezes mais sensível e não depende de iluminação. Graças as melhorias, este é capaz de reconhecer até os botões da camisa do utilizador, a uns metros de distância.
  • Sensor de Infravermelhos Ativo:
    • Este sensor permite ao Kinect, ver no escuro. Por isso, não interessa se existe, ou não, luz na divisão onde se encontra, porque o sensor irá ver de qualquer forma.
  • Rastreamento do esqueleto com a rotação conjunta:
    • Quando combinado com um modelo físico, o sensor é capaz de detetar os movimentos de todos os membros, rotação das respetivas articulações e calcular a força muscular exercida.
  • Deteção de pulso:
    • O sensor é capaz de detetar microflutuações na pele, relativas aos batimentos cardíacos. Desta forma, é capaz estimar a frequência cardíaca dos utilizadores.
  • Deteção de emoções:
    • Através do reconhecimento das expressões faciais, o sensor consegue estimar o estado emociona do utilizador.

As características do novo dispositivo mostram que esta tecnologia vai muito para além de um simples sensor 3D. Assim que for lançado no mercado, não só irá beneficiar o mundo dos videojogos, como também irá abrir horizontes a todo o tipo de tecnologias.

Enquanto a Xbox One e o sensor Kinect não chegam ao mercado, deixe-se ficar com o próximo vídeo, onde serão mostradas, detalhadamente, todas as características que acabo de falar.

Fonte: Xbox One