Intel revela Knights Ferry de 32 núcleos

Intel revela Knights Ferry de 32 núcleos

24 de Setembro de 2010 3 Por Tiago

A Intel apresentou esta semana o Knights Ferry, que em tudo se parece com uma GPU, tanto a nível de aspecto físico como a nível de arquitectura, mas na verdade é um super processador. Recorrendo á arquitectura MIC (Many Integrated Core), a Intel volta a reanimar o projecto Larrabee.

Com uma capacidade computacional de alto desempenho (HPC), este projecto da Intel é composto por 32 núcleos, cada núcleo composto por 4 threads, o que perfaz um total de 128 threads.

Cada núcleo tem um velocidade de relógio de 1.2GHz e 8MB de memória cache L2 partilhada, dispondo ainda de uma unidade de cache L1 de 32KB para instruções e mais 32KB para dados, e mais uma unidade de cache L2 de 256KB. Tudo isto produzido a uma escala de 22nm.

O Knights Ferry integra ainda, entre 1 a 2GB de memória GDDR5. E utiliza ainda a interface PCI-Express 2.0, para se conectar à motherboard.

Segundo a Intel, está já a ser planeado o sucessor de Knight Ferry. O irmão mais novo chamar-se-á Knights Corner, e terá mais de 50 núcleos, e está previsto para 2012, sedo também produzido a uma escala de 22nm.

Contudo, Larrabee terá a forte concorrência, das tecnologias: Tesla da NVIDIA e FireStream da  AMD.

A Intel avisou ainda que a arquitectura MIC é uma arquitectura de co-processamento,  na prática isto significa que não pode ser usado com processadores Intel XEON sistemas HPC (High Performance Computing) sem que as aplicações sejam reprogramadas.