Intel e NVIDIA poderão unir forças contra a AMD

Intel e NVIDIA poderão unir forças contra a AMD

3 de Dezembro de 2010 1 Por Tiago

A UBS (empresa de consultoria e análises de mercado) acredita que a Intel e NVIDIA poderão brevemente unir-se no combate contra a AMD (fabricante de CPU e GPUS). Depois de a AMD ter comprado a ATI, esta tornou-se oficialmente “arqui-inimiga” de ambas as empresas.

Segundo a UBS, aparentemente a Intel precisa das patentes da NVIDIA para competir eficientemente contra a AMD, com os seus próprios microprocessadores de paralelismo massivo, para a tão esperada tecnologia HPC (computação de alta performance).

Aparentemente existe uma eventual disputa entre a NVIDIA e Intel, devido a um acordo (formalizado em 2004) que permite o cruzamento de patentes entre as duas gigantes.

Enquanto a NVIDIA, entende ter o direito de desenvolver e comercializar conjuntos de núcleos lógicos (base para os chipsets), compatíveis com os processadores Intel de última geração Core iX. Já a Intel, entende que este acordo apenas abrange os chipsets para CPUs com controladores de memória integrados. Desta forma, descarta a possibilidade da NVIDIA projectar núcleos lógicos para processadores Intel Core iX.

Tanto a AMD como a NVIDIA e mesmo a Intel, têm vindo a desenvolver os seus microprocessadores de paralelismo massivo, com base em unidades de processamento gráfico. A intenção é introduzir este produto, no mercado de HPC. O primeiro a chegar o mercado deverá se o microprocessador da Intel, com o nome de código Knights Corner. Este deverá chegar o mercado em 2012.

Mas ao que parece, o mais provável é a NVIDIA ceder as suas patentes relacionadas com o processamento paralelo, para em troca, receber (da Intel) os direitos de produção de chipsets para as CPUs Core ix.