Novo implante cerebral transforma rato num “cyborg”

Novo implante cerebral transforma rato num “cyborg”

30 de Setembro de 2011 0 Por Tiago

Cientistas implantam com sucesso uma cerebelo artificial num rato, para restaura a sua funções cerebrais perdidas. Este processo abre novas portas a possíveis substituições de áreas de tecido cerebral danificadas, provocadas por acidentes vasculares cerebrais e outras complicações.

Os implantes poderão permitir ainda, melhorar o desempenho do nosso cérebro e restaurar os processos de aprendizagem que se vão degradando com o avançar da idade.

Matti Mintz, investigador na Universidade de Telavive em Israel, lidera o estudo que consiste num implante cerebral capaz não só de receber sinais, mas também de os traduzir e envia-los de volta, de forma compatível.

O rato ao qual foi implantado este cerebelo sintético, sofria de perda de funções cerebrais. Após anestesiar o rato e desabilitar o seu cerebelo, o implante foi aplicado na base traseira do crânio e é permite controlar a sua função muscular, por exemplo.

Em entrevista à New Scientist, Mintz disse que “É a prova de conceito que podemos registar as informações do cérebro analisá-las de uma forma semelhante à rede biológica e devolvê-las ao cérebro”.

O estudo foi apresentado numa reunião na SENS Foundation em Cambridge, no Reino Unido. Segundo Mintz, “o cerebelo é uma boa opção para testar a viabilidade da metodologia de reabilitação de circuito fechado. Em particular, o cerebelo está bem conservado entre o reino dos mamíferos e é composto de microcircuitos recorrentes que partilham uma arquitetura anatômica e fisiológica semelhantes”.

Desta feita, os investigadores poderão começar a planear a melhor forma de “atualizar” os nossos cérebros, com cerebelos de última geração capazes de aumentar a nossa capacidade cerebral de apenas 10% para 100%.

Talvez esteja a exagerar um pouco, mas no futuro tudo poderá ser possível.

Fonte: SENS Foundation