Grande Colisor de Hadrões volta a ser ligado

Grande Colisor de Hadrões volta a ser ligado

7 de Abril de 2015 0 Por Tiago

O CERN anunciou que o Grande Colisor de Hadrões (LHC) voltou a ser ligado, após uma enorme reforma e reequipamento. De acordo com os cientistas, dois anos de trabalho e meses de testes colmataram num aumento significativo do desempenho.

No passado domingo (dia 5 de abril de 2015), às 10:41am CEST, um feixe de protões, com uma energia de injeção de 450 GeV, foi disparado para dentro do anel de 27 km. Um segundo disparo, desta vez na direção oposta, foi estabelecido às 12:27pm.

Graças a esta longa intervenção da equipa técnica do CERN, o LHC tem agora quase o dobro da potência que tinha antes da atualização, que era de 6,5 TeV por feixe. Pelo menos 13 TeV, de colisões protão-protão, são esperados ainda este ano.

A revisão do LHC permitiu consolidar 10 000 interconexões elétricas entre os eletroímanes supercondutores do anel, a adição de sistemas de proteção de ímanes e a atualização dos sistemas de refrigeração, ultra sistemas de vácuo e electrónica.

LHC ligado - 02

Além disso, o LHC foi reconfigurado para que as partículas subatómicas se agrupem, de tal forma que, o tempo que as separa foi reduzida entre 50 a 25 nanossegundos, aumentando a probabilidade de colisões.

Segundo o CERN, durante os próximos dias a energia dos feixes será mantida, enquanto os engenheiros realizam as verificações necessárias ao sistema.

A caminho da segunda temporada de trabalho e exploração científica, os cientistas do CERN esperam aprofundar as investigações relativas ao Modelo Padrão da física de partículas, o mecanismo Brout-Englert-Higgs, a matéria escura, antimatéria e o plasma de quarks-gluões.

Deixe-se ficar com o seguinte vídeo gravado no interior do LHC.

Fonte: CERN