Relógios nucleares são 100 vezes mais precisos que os atómicos

Cientistas afirmam que os relógios nucleares (de um ião único) poderão ser tão precisos, que apenas necessitarão de um reset, uma vez a cada 14 biliões de anos (que é o tempo de vida do nosso Universo). Na Escola de Física da Universidade de Nova Gales do Sul, o professor Victor Flambaum descobriu um método […]