Braço robótico adaptado como simulador de jogos

Braço robótico adaptado como simulador de jogos

9 de Agosto de 2010 1 Por Tiago

Uma equipe de pesquisadores no Max Planck Institute em Biological Cybernetics tornaram um braço robótico KUKA KR 500 num simulador de Fórmula 1. Ao que parece estes braços robóticos, criados especificamente para as linhas de montagem do sector industrial podem ser adaptados para outras actividades além das que lhes foram destinadas.

Este simulador está equipando com seis eixos capazes de içar meia tonelada, um volante force feedback, pedais e um vídeo projector apontado a uma tela curva. Baptizado pelos cientistas que o criaram, de CyberMotion Simulator, este permite simular um carro de corrida virtual (Ferrari F2007) correndo numa pista, enquanto a corrida decorre, a cabine onde se encontra o piloto, inclina-se em varias posições, de forma a imitar a força G exercida pelo carro, quando este acelera, trava, e vira nas curvas. Com uma força de até 2 Gs este simulador tenta imitar na perfeição o veiculo simulado de forma a obter mais realismo.

A indústria dos jogos só tem a ganhas com estes simuladores que tornam os jogos cada vez mais reais, só é pena que um simulador destes não seja acessível a todos, para que cada jogador pudesse ter um destes em casa… Mesmo assim não há nada mais lindo do que ver um bando de cientistas unidos para criar brinquedo tão bacano como este. Abençoados… Como irá ser possível ver no próximo vídeo, um braço robótico industrial perfeitamente capaz de ser adaptado aos jogos.