Asteroide faz sobrevoo rasante surpresa a uma velocidade anormalmente elevada

Asteroide faz sobrevoo rasante surpresa a uma velocidade anormalmente elevada

20 de Outubro de 2015 0 Por Tiago

Um asteroide com 300 a 600 metros de diâmetro, descoberto na passada semana pelo observatório Pan-STARRS no Havaí, irá sobrevoar a Terra a uma distância aproximada de 500.000 km (1,3 vezes a distância da Terra à Lua).

Esta notícia foi revelada pela NASA, tendo calculado que a sua passagem irá ocorrer no próximo dia de Halloween (Dia das Bruxas), a 31 de outubro. Segundo a agencia, este esteroide iá passar a uma velocidade “excecionalmente” alta, certa de 35 km/s (126.000 km/h).

Em comparação, o meteorito capturado por diversas câmaras em veículos, na Rússia em 2013, tinha cerca de 17 metros de diâmetro e viajava a uma velocidade máxima de 19 km/s (68400 km/h). Enquanto aquele que destruiu uma floresta na russa, em 1908, media cerca de 40 metros de diâmetro.

Os astrónomos asseguram que não existe perigo de colisão com a Terra. Contudo, caso viesse em direção a nós, a sua dimensão e, especialmente, a sua velocidade provocariam estragos significativos.

A pior parte, é o facto de os astrónomos terem descoberto este corpo celeste há apenas nove dias e considerando a sua proximidade do nosso planeta. Isto mostra o quão vulneráveis estamos a este tipo de objetos.

No entanto, a NASA afirma que este estava numa órbita extremamente excêntrica, e a sua natureza poderá estar relacionada com os cometas, de acordo com suas medidas.

O voo rasante dará a possibilidade, aos cientistas, de captar imagens com uma resolução “tão alta quanto 2 metros por pixel“, de acordo com a NASA. O próximo voo rasante (aparentemente) será concretizado em 2027, quando o esteroide AN10, com cerca de 1,6 km de diâmetro, passar a uma distância inferior à da nossa Lua.

Fonte: NASA